No coração da Igreja

Congresso sobre Santa Teresinha

19 a 21 de abril de 2024

Orar com os Místicos

  • Segui-Lo por toda a parte aonde vá
    por misticos em Abril 15, 2024 a 5:19 am

    «Peço a Jesus que faça brilhar na vossa alma o sol da sua graça, ah! (…) Sim, tudo será revestido da brancura Divina do nosso Esposo, o Lírio dos vales. Juntas segui-l’O-emos por toda a parte aonde vá.» Santa Teresa do Menino Jesus | 1873 – 1897 Carta 241 Jesus, é esta a consequência do

Claustro

Comunidades

Braga: pontoCarmo
  • Muitos olhos creem melhor que dois

    1. O Evangelho do domingo de Páscoa situa-nos na manhãzinha do primeiro dia depois do sábado, «quando ainda estava escuro»; por sua vez, o Evangelho deste segundo domingo de Páscoa situa-nos uma semana depois, também no primeiro dia da semana, mas «ao anoitecer», estando os discípulos, juntos, num lugar, «com as portas fechadas» por «medo …

Braga: Verbos da Palavra
  • Abaixar-se

    Eis-nos chegados ao pórtico da Semana Maior, a Semana Santa. Entramos nela através do Domingo de Ramos que hoje celebramos. Unimo-nos ao triunfo, aos gritos de hossana dos habitantes de Jerusalém que aclamam Cristo Jesus, o Messias esperado.Contudo, este Rei aclamado tem como coroa uma feita de espinhos e como trono uma cruz. Não é …

Porto
  • Domingo II da Páscoa | Divina Misericórdia

    «Oito dias depois, veio Jesus» Assim é: oito dias depois, veio Jesus. Assim há-de ser: oito dias depois, vem Jesus, estando nós outra vez em casa, na Igreja reunida e unida na celebração da Eucaristia. «Vem Jesus, coloca-Se no meio de nós e diz-nos: «A paz esteja convosco». «Mostra-lhes a mãos e o lado», mostra-nos …

Viana do Castelo
Funchal
  • «Assim está escrito que o Messias havia de sofrer e de ressuscitar dos mortos ao terceiro dia»

    DOMINGO III DA PÁSCOA Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas (Lc 24, 35-48) Naquele tempo, os discípulos de Emaús contaram o que tinha acontecido no caminho e como tinham reconhecido Jesus ao partir do pão. Enquanto diziam isto, Jesus apresentou-Se no meio deles e disse-lhes: «A paz esteja convosco». Espantados e cheios de … Continuar a ler«Assim está escrito que o Messias havia de sofrer e de ressuscitar dos mortos ao terceiro dia» →

Avessadas
  • Páscoa no Carmelo

    Os Carmelitas Descalços apresentam um programa semelhante, em duas das suas comunidades: Avessadas e Fátima, para poderem viver o tríduo pascal num ambiente de silêncio, meditação e celebração do mistério pascal de Jesus. Desde o dia 27 ao 31 de março, seja no Convento de Avessadas, seja na Domus Carmeli, em Fátima, podem viver estes

Carmelo
  • PERFEITA MISERICÓRDIA

    Nesta transformação de amor acontece à alma como aos anjos, que estimam perfeitamente as coisas que são de dor sem sentir dor, e exercitam as obras de misericórdia sem sentimento de compaixão; embora algumas vezes e em algumas circunstâncias Deus faça excepção, dando-lhe coisas a sentir e a padecer para que mais mereça e se

Agenda OCD

13 abril de 2024: Encontro Junto à Fonte. Orienta P. Carlos Vieira. Igreja do Carmo, Braga: 15h00

19 a 21 de abril de 2024: Congresso de Santa Teresinha. Domus Carmeli, Fátima

11 maio de 2024: Encontro Junto à Fonte. Orienta P. Carlos Vieira. Igreja do Carmo, Braga: 15h00

17 a 19 de maio de 2024: III Jornadas de Longevidade e Espiritualidade. Coordena: Dra. Alexandra Araújo e Padres Carmelitas Descalços. Domus Carmeli, Fátima

18 de maio de 2024: Tarde com Deus. Igreja do Carmo, Braga: 15h00

2 de junho de 2024: Peregrinação ao Santuário do Menino Jesus de Praga, Avessadas, Marco de Canaveses

8 junho de 2024: Encontro Junto à Fonte. Orienta P. Carlos Vieira. Igreja do Carmo, Braga: 15h00

21 a 23 de junho de 2024: Mística e Místicos: 4º módulo. Domus Carmeli, Fátima

13 julho de 2024: Encontro Junto à Fonte. Orienta P. Carlos Vieira. Igreja do Carmo, Braga: 15h00

15 de julho de 2024: De véspera com Nª Sª do Carmo. Online: 21h30

8 de agosto de 2024: De véspera com S. Edith Stein. Online: 21h30

26 a 30 de agosto de 2024: Retiro para Sacerdotes. Orienta: Pe Joaquim Teixeira, com a colaboração do Carmelo de S. José. Domus Carmeli, Fátima

(a presente agenda poderá sofrer modificações)

Espiritualidade

Atividades

Pastoral da Espiritualidade

Download do programa de atividades 2023-2024.

Centros de espiritualidade

Alojamento, refeições e espaços para reuniões.

Frei João da Ascensão

1787 a 1861

Revista de Espiritualidade

Revista ciêntífica

Mensageiro do Menino Jesus de Praga

Os amigos os Menino Jesus

A Ordem dos Carmelitas Descalços (OCD)

foi fundada por Santa Teresa de Jesus e S. João da Cruz. Dela fazem parte as Irmãs Carmelitas Descalças, os Padres e Irmãos Carmelitas Descalços e os Seculares Carmelitas Descalços (OCDS). Todos, formamos uma só família com estes três ramos.

Rezar com

Os santos carmelitas

Festa a 1 de outubro

Santa Teresinha do Menino Jesus

No coração da Igreja, minha mãe, eu serei o amor.

Solenidade a 14 de dezembro

São João da Cruz

Onde não há amor, coloque amor e encontrará amor.

Festa a 9 de novembro

Santa Isabel da Trindade

Ó meu Deus, Trindade que eu adoro, ajudai-me a esquecer-me inteiramente, para me estabelecer em vós, imóvel e pacífica como se já a minha alma estivesse na eternidade.

Festa a 9 de agosto

Santa Edith Stein

As almas que o Senhor preparou e provou por meio de frequentes uniões temporais, revelações extraordinárias, sofrimentos e tentações de toda a espécie, quer uni-las consigo.

Vocações

Somos a Ordem dos Carmelitas Descalços (OCD) fundados por Santa Teresa de Jesus e São João da Cruz, no séc. XVI, em Ávila, Espanha. Os nossos fundadores criaram esta nova ordem a partir da tradição da Ordem do Carmo, que nos lega como Mãe, Irmã e Modelo de consagração a Virgem Maria, a Quem invocamos como Nossa Senhora do Carmo.

O carisma carmelita descalço está fortemente marcado pelos ideais da comunhão fraterna e da oração fecunda e apostólica. Também é parte da nossa identidade a contemplação de Deus, o amor e a imitação da Virgem Maria e S. José, que haveriam, segundo o desejo de Santa Teresa, inspirar e proteger a vida das comunidades e fraternidades carmelitas. Desta forma, nos nossos dias, o Carmelo Descalço pode ser uma Casa e Escola de Comunhão com Deus e entre os irmãos convocados a partilharem a vida, seja nos conventos, seja nos grupos de leigos, formados por jovens, adultos e famílias.

Como comunhão de uma única Família, em três ramos, todos assumem, segundo a sua especificidade própria, o compromisso de serem um testemunho alegre da íntima comunhão com Deus e com os irmãos. Deste modo, vão transbordando para o mundo a abundância do amor que Deus derrama em seus corações pela oração, entendida como trato amigo e contínuo com Cristo.

Domus Carmeli
R. Imaculado Coração de Maria, 17
2495-441 Fátima
Tlf. 249 530 650

Questões vocacionais: vocacoes@carmelitas.pt

Informação e inscrição no Rumos: amigos@carmelitas.pt